Bebida Alcoólica é conveniente ?

A sociedade é bombardeada diariamente por intensas campanhas publicitárias, visando aumentar o número dos consumidores de bebidas alcoólicas. Os comerciais veiculados na TV, transmitem uma idéia de sucesso, pregam que serão felizes nos relacionamentos amorosos, interpessoais (muitos amigos) e vitoriosos nas práticas esportivas, entre outras inverdades. É notório o êxito das campanhas promovidas pelos produtores de bebidas; o crescimento dos consumidores é vertiginoso, inclusive, entre os adolescentes e jovens. O álcool é uma droga lícita (tal qual o cigarro) dotada de grande poder destrutivo, os males produzidos pelo seu consumo englobam, desde a deterioração da saúde à destruição da personalidade e dignidade do homem.

Pela constatação dos resultados negativos da ingestão de bebida alcoólica, conclui-se que é uma idéia concebida pelo diabo, a fim de aprisionar o homem ao pecado, destruindo-lhe a dignidade e o amor próprio.
“… Só vem para roubar, matar e destruir…” Jo 10.10a
A mensagem principal do Senhor Jesus é a vida e a sua preservação em santidade e pureza.
”… Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.” Jo 10.10b

É comum encontrarmos dentro das igrejas, vidas que anseiam por uma latinha de cerveja ou uma dose de whisky, estas, não vigiaram devidamente e foram influenciadas pela astuta mensagem do inimigo; preferem satisfazerem à carne e sua “sede” a ouvir a voz do Espírito Santo, que misericordiosamente se materializa na instrumentalidade dos irmãos. A palavra dita por Deus a Ezequiel se aplicam muito bem a eles, veja:

“Os filhos são de duro semblante e obstinados de coração; eu te envio a eles, e lhes dirás: Assim diz o SENHOR Deus. Eles, quer ouçam quer deixem de ouvir, porque são casa rebelde, hão de saber que esteve no meio deles um profeta.”  Ez 2:4,5

O Senhor Deus também fala com profundidade em Sua Palavra sobre a ingestão de bebidas alcoólicas, desaconselhando o seu consumo.

a) Proibida
Ef 5.18  “Não se embriaguem, pois a bebida levará vocês à desgraça; mas encham-se do Espírito de Deus.” Lc 21.34 “E Jesus terminou, dizendo: —Fiquem alertas! Não deixem que as festas, ou as bebedeiras…”
b) Obra da Carne.
Gl 5.21  “invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais coisas praticam.”
c) Uma Vergonha, humilhação ao servo.
Is 28.7,7 “ Mas há outros que também andam tontos por terem bebido muito vinho, que não podem ficar de pé por causa das bebidas: são os sacerdotes e os profetas, que vivem embriagados e tontos. Os profetas, quando recebem visões de Deus, estão bêbados, e os sacerdotes também, quando julgam os casos no tribunal. As suas mesas estão cobertas de vômito, não há um só lugar que esteja limpo. Pv 20.1 “Quem bebe demais fica barulhento e caçoa dos outros; o escravo da bebida nunca será sábio.”
d) É indecente ao servo
Rm 13.13  “Vivamos decentemente, como pessoas que vivem na luz do dia. Nada de farras ou bebedeiras…”
e) Destituídos do Reino de Deus
1Co 6.10  “os ladrões, os avarentos, os bêbados…  não terão parte no Reino de Deus.”
f) Os beberrões não são companhias dignas
Pv 23.20  “Não ande com gente que bebe demais, nem com quem come demais.”
g) Serão castigados.
Is 5.11  “Ai dos que se levantam pela manhã e seguem a bebedice e continuam até alta noite, até que o vinho os esquenta!”
Que me resta dizer? A Palavra do Senhor é clara e não deixa margem para as dúvidas.
É pecado!

O consumo esporádico de vinho é correto?

O vinho era uma bebida tradicional na cultura dos judeus. Sua primeira menção faz referência a Noé (Gn 9.20-21). O próprio Jesus iniciou seus milagres, transformando água em vinho (Jo 2.1-11). Na primeira Ceia,  o sangue de Cristo (Mt 26.27,29) e assim deve ser hoje em nossos dias, infelizmente, muitos usam o suco de uva para tão magnífica celebração.

O uso tão freqüente do vinho pelos judeus antigos, não nos habilita a imitá-los, hoje vivemos numa cultura na qual o consumo de bebida alcoólica não é vista como edificante.

Eu acredito que a ingestão de vinho esporadicamente não seja pecado; mas, alguns aspectos precisam ser analisados, por exemplo: a conveniência; saúde; passado ligado ao alcoolismo, etc.

Quando somos sensíveis ao Espírito Santo, Ele nos direciona, testificando em nosso coração a necessidade de tomarmos ou não vinho.

Esta atitude vai edificar a minha vida? Vou edificar o próximo?  Qual a resposta?

Marcado com:
Publicado em Mídia
Um comentário em “Bebida Alcoólica é conveniente ?
  1. Luis Henrique disse:

    A bíblia é clara. Não é pecado consumir bebida alcoólica. Assim como não é pecado comer. O que a bíblia condena é a imoderação. A falta de autodomínio. Afinal a bíblia põem no mesmo nível de pecado a glutonaria e embriaguez. (Deut 20:21). Já o uso moderado da bebida e do alimento podem agradar a Deus. (1 Cor 10:31). Portanto, o pecado não estar no beber ou no comer, no vestir ou brincar. Se todas estas coisas estiverem fora de controle, é pecado. Logo fica lição: Até mesmo algo natural, algo bom, se não houver moderação, se torne idolatria e pecado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Magnificat anima mea Dominum
Inquisição on Line
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 1
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 2
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 3
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 4
Catecismo de Adultos – Aula 01 – A Revelação Divina – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 02 – O Modernismo, o problema atual na Igreja – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 03 – Deus Uno e Trino – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 04 – A Criação em geral e os anjos – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 05 – Os anjos e o homem – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 06 – A Teoria da Evolução contra a Ciência e a Filosofia – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 07 – Cristo Nosso Senhor e Maria Santíssima – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 08 – Aula 08 – O modo de vida de Jesus Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 09 – As perfeições de Cristo e a Paixão – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 10 – A Cruz, os infernos e a Ressurreição de Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 11 – A Ascensão, os juízos particular e final, e o Espírito Santo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 12 – Como saber qual a verdadeira Igreja de Cristo? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 13 – A Igreja Católica e a Salvação – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 14 – A Infalibilidade da Igreja e a união da Igreja e do Estado – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 15 – Da comunhão dos santos à vida eterna – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 16 – Os princípios da oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 17 – Como rezar bem? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 18 – Os tipos de oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 19 – O Pai Nosso – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 20 – A Ave Maria e o Santo Terço – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 21 – A Meditação Católica – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 22 – Introdução à moral católica: uma moral das virtudes – Padre Daniel Pinheiro
Lutero e o Protestantismo: A História da Reforma – Profa. Dra. Laura Palma
Lutero e o Protestantismo: Vida de Lutero – Prof. André Melo
Lutero e o Protestantismo: Sola Scriptura – Profa. Dra. Ivone Fedeli
Lutero e o Protestantismo: Sola Fide – Prof. Marcelo Andrade
Lutero e o Protestantismo: Sola Gratia – Pe. Edivaldo Oliveira
Mídia Católica
Atualizações
Translator
Italy
Calendário
abril 2013
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  
Visitantes
  • 4.215.649 acessos desde 01/05/2011
religião e espiritualidade
religião e espiritualidade
Categorias
Links
%d blogueiros gostam disto: