RSS

Qual é a visão bíblica cristã sobre o apelo do “mundo” a união entre homossexuais?

01 jun

Pessoas do mundo inteiro gritam em uma só voz dizendo: “Não ao preconceito e Sim ao casamento de homossexual”.
Essas manifestações chegaram ao governo e o parlamento aprovou. Agora é lei (!) em diversos países, entre eles Portugal, África do Sul, Holanda, Espanha, Argentina e potências como Alemanha e alguns estados dos E.U.A.
As pessoas que não concordam com tais práticas são tidas como “mente fechada” ou “bitoladas”. Mas será que são os que se posicionam contra a “união gay” que devem ser vistos como “mentes fechadas’’, ou seriam os adeptos ao sistema “sodomita” os verdadeiros mentes fechadas?

A opinião dos cristãos verdadeiros deve ser totalmente contra a união “sodomita”.
Mas, o que a bíblia diz a respeito desse assunto?
O que a bíblia diz sobre o “homossexualismo”?
Em Romanos 1.27 diz: “E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro”.
Quando os discípulos indagaram Jesus sobre algum sinal para o fim dos tempos, Jesus pediu que eles olhassem para a história e entendessem a situação geral que acontecia nos dias de Noé e principalmente de Ló.
Vejamos: no tempo de Noé, Deus inundou a terra, porque as pessoas não queriam compromisso com Ele.
Nos dias de Ló, Sodoma e Gomorra foram destruídas porque o pecado havia crescido assustadoramente; homens tinham relações sexuais como homens e mulheres com mulheres, restando apenas Ló e sua família.
O Senhor Deus, abomina a prática homossexual, veja em Levítico 20.13,  “Se um homem tiver relações com outro homem, os dois deverão ser mortos por causa desse ato nojento; eles serão responsáveis pela sua própria morte”.
Nos últimos anos se tornou comum ver principalmente homens namorando homens.
Na “parada gay” em São Paulo, anualmente se reúnem cerca de 4 milhões de participantes, e o que é ainda mais visível é o crescimento no número de “simpatizantes”; Pais que levam suas crianças para aprenderem que não devemos ter preconceito. É verdade! Deus não quer que tenhamos preconceito contra essas pessoas, e assim nos comportamos, devemos respeitar a decisão de cada indivíduo, mas não precisamos concordar com suas práticas, muito menos incentivá-los a continuar com essas atitudes pecaminosas.
Nós cristãos verdadeiros, devemos amar os homossexuais, mas, de maneira alguma podemos apoiar suas práticas. Devido a esse amor que temos pelos “gays”, é que nós estamos escrevendo esta breve postagem.
De nada vale nós mostrarmos uma falsa simpatia a esses indivíduos, ou ficarmos apenas os criticando; não é isso que pretendemos fazer aqui nesse espaço, mas, sim, queremos aqui mostrar nosso apoio, para que eles (os gays) possam compreender que nós cristãos os amamos, e por isso os advertimos com certa veemência.
A bíblia diz, que “há caminho que para o homem (no sentido genérico) parece ser direito, mas o fim Del são os caminhos da morte (ou inferno) Pv 14.12.
Paulo é claro quando diz aos coríntios, sobre algumas classes de pessoas que não herdaram o reino de Deus: 1Co 6.9: “Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas[…]
Vocês sabem que os maus não terão parte no Reino de Deus. Não se enganem, pois os imorais, os que adoram ídolos, os adúlteros, os homossexuais […]
Querido(a) amigo(a) homossexual ou simpatizante, nós cristãos cremos que a bíblia não é um livro de fábulas, mas sim, um livro verdadeiro – o verdadeiro e único livro de Deus-, a própria arqueologia atual comprova a veracidade e fidelidade da bíblia; a ciência até hoje ainda não conseguiu demonstrar como o universo pôde ter surgido sem a existência de um criador, e esse criador é o nosso Deus. Então, você não tem motivos para não na coisas que a bíblia diz ao seu respeito. Creia que a bíblia é um livro de amor, escrito por Deus a você. Nosso Senhor e Criador lhe ama do jeito que você é, mas não o aceitará no seu Reino do jeito que você é! Se o seu modo de viver não agradá-lo, se você não for fiel a Deus, Ele se manterá fiel e deixará você sem acesso ao Reino Celestial (Ap 22.15).
Descobrimos então, a partir desse momento que a prática homossexual é um grave pecado contra Deus! O que fazer então? Se desesperar? Não! Renuncie o seu pecado.
DIGA NÃO AO SEU PECADO.
O pecado separa as pessoas de Deus. Antigamente somente através de um sacrifício de um animal, uma pessoa poderia ficar limpa diante de Deus. Porém, Jesus, se tornou o último sacrifício pelo meu e o seu pecado. Jesus veio para terminar o trabalho de salvação de Deus (Jo 4.34), veio para pagar a penalidade por nossos pecados, pois ele tomou todos os nossos pecados sobre si (1Pe 2.24). Agora temos a liberdade de nos achegar a Deus por causa do que Jesus fez por nós. Aqueles que acreditam na morte e ressurreição de Jesus podem viver eternamente com Deus e escapar da penalidade que vem do pecado.
Se confessares os vossos pecados, ele é fiel e justo para vos perdoar os pecados e vos purificar de toda injustiça (1 Jo 1.9).
CONFESSE O SEU PECADO A DEUS.
A confissão serve para nos deixar livres para aproveitar a comunhão com Cristo.
Isso vai aliviar a sua consciência.
Porém, algumas pessoas não entendem como isso funciona, mas, é algo muito simples! Basta você renunciar a prática pecaminosa na qual você vive e não pecar mais (Jo 8.11).
Querido homossexual, creia que Deus quer lhe perdoar. Ele permitiu que seu filho morresse só para que ele pudesse lhe oferecer perdão. Se você aceitar a Cristo, ele perdoa todos os seus pecados já cometidos.
Caro amigo “gay”, confesse seu pecado nesse mesmo momento, e busque apoio em uma “boa” igreja evangélica e saiba como desfrutar das bênçãos de Deus sobre a sua vida. Aproveite ao máximo uma bela comunhão com Ele, Jesus!
Em pouco tempo seremos proibidos de falar nesse assunto e verdadeiros cristãos perseguidos, como já está acontecendo em muitos países e tal perseguição não tardará a chegar ao Brasil. Por isso, enquanto há tempo, repasse essa mensagem e a palavra de Cristo a todos que puder.
Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas-homossexualismo- praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.’’ Rm 1.32.
CONVITE DO AMOR DE CRISTO PARA VOCÊ
[…]Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Porque todo aquele que faz o mal aborrece a luz e não vem para a luz para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque são feitas em Deus (Jo 3.16-21).
 
Deixe um comentário

Publicado por em 01/06/2013 em Homosexualidade

 

Tags:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: