RSS

Senado vota esta semana projetos de lei que favorecem ideologia de gênero e homossexualismo

10 dez

BRASILIA, 09 Dez. 13 / 03:38 pm (ACI).- Defensores da vida e da família brasileiros estão pedindo com caráter de urgência à comissão de direitos Humanos do senado o arquivamento do PLC 122, projeto de lei que criminaliza manifestações contra o homossexualismo como “homofobia” e  à totalidade dos senadores que rejeitem o substitutivo do senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) que inclui a igualdade de gênero como diretriz do Plano Nacional de Educação, que exporá estudantes ao conceito que desconstrói a identidade humana como homem e mulher e consequentemente a noção fundamental de família.

Segundo os líderes cristãos autores dos pedidos ao senado, o PLC 122, de autoria do Partido da Presidente Dilma Rousseff, o Partido dos Trabalhadores (PT), corre sob o disfarce de combater a homofobia,? mas introduz os conceitos de gênero e orientação sexual na legislação brasileira infringindo até mesmo o direito de liberdade religiosa.

O projeto será votado nesta próxima quarta feira, 11 de dezembro de 2013, às 08h30 na Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal, presidida pela Senadora Ana Rita (PT – ES), conhecida pela sua atuação a favor do feminismo em Brasília.

Na mesma tarde de quarta-feira, será votado, no Plenário do Senado o PLC 103-2012, ou Plano Nacional da Educação. Segundo um recente boletim dos defensores da vida brasileiros, o senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) cedeu à pressão do Ministério da Educação e apresentou no final da tarde desta sexta feira, dia 6 de dezembro, um substitutivo ao Plano Nacional da Educação que estabelece no art.2 como uma das diretrizes do Plano Nacional de Educação “a superação das desigualdades educacionais, com ênfase na promoção da igualdade racial, regional, de gênero e de orientação sexual”.

Em resumo, dizem pró-vidas brasileiros, o governo está exigindo a votação do Plano Nacional de Educação ainda para este ano e os congressistas decidiram na quinta-feira, dia 5 de novembro, que o plano seria votado em regime de urgência pelo Plenário do Senado.

“O problema no caso do PLC 122 e do Plano Nacional de Educação é que o conceito de gênero que estes projetos querem introduzir no sistema legislativo e do sistema educacional não é sinônimo de sexo masculino e feminino, mas construção ideológica para sustentar uma variedade flexível de “sexualidades” determinadas pela opção de cada um e não pelos fatores biológicos que distinguem homens e mulheres”, indica o texto dos líderes cristãos ativos no campo da defesa da família.

“Se o Senado brasileiro aprovar nesta quarta-feira o Substitutivo Vital do Rêgo para o Plano Nacional da Educação” –prossegue o alerta dos grupos pró-família brasileiros- todos os alunos serão obrigados a aprender nas escolas a ideologia de gênero, que apresenta como sexualidade toda a abundância de opções fora dos padrões relacionados com a construção de uma família tradicional, uma instituição que não têm qualquer sentido dentro da ideologia de gênero”.

Com a ideologia de gênero imposta pela lei na educação, os kits gays, bissexuais, transexuais, lésbicos, etc., poderia tornar-se obrigatórios para as crianças em idade escolar.

Por estas razões, os mencionados líderes da causa pró-vida e dos direitos da família pedem a todos brasileiros que exijam aos senadores que, no plenário do senado, rejeitem o substitutivo de Vital do Rêgo ao Plano Nacional da Educação, bem como toda inclusão da ideologia de gênero e orientação sexual no Plano Nacional de Educação”.

Assine agora a petição para enviar um e-mail a cada um dos líderes de bancada no Senado!

http://www.citizengo.org/pt-pt/1260-diga-nao-ideologia-genero-em-nosso-sistema-educacional

Para manifestar-se contra o PLC 122, participe do abaixo-assinado que será enviado à comissão de Direitos Humanos:
http://www.citizengo.org/pt-pt/813-pelo-arquivamento-do-plc-122-lei-da-mordaca-gay

Para pedir a rejeição do substitutivo do senador Vital do Rêgo, entre em contato com os representantes do seu Estado e de toda a União através do site http://www.senado.gov.br/senadores/ ou do Alô Senado (http://www.senado.gov.br/senado/alosenado/) ligando para 0800612211.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10/12/2013 em Homosexualidade

 

Tags:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: