SE NÃO HAVIA NADA DE ESPECIAL SOBRE MARIA, ENTÃO

_____________________________________________________
1) Por que o Espírito Santo inspirou Isabel (Lc 1, 41),
__
A esposa de um sacerdote judeu a viver uma vida justa diante do Senhor” (Lc 1, 5, 6)
__
Chamar MARIA como “mãe do SENHOR” (Lc 01:43), mesmo que ela é um parente próximo (Lc 1: 6), e que também, mesmo diante do Senhor nasce a MARIA?
______________________________________________________
2) Por que Isabel ver a visita de MARIA como uma ‘grande coisa’? (Lc 1:43).
______________________________________________________
3) Por que o anjo Gabriel, bem como o Espírito inspirou Isabel chamar MARIA como “bendita entre as mulheres”? (Lc 1:28; 01:42).
______________________________________________________
4) Por que MARIA disse que “a partir desse momento em diante, todas as gerações chamarão abençoada ‘? (Lc 1,48).
______________________________________________________
5) Por que Jesus apresenta a sua mãe para “o discípulo amado” (JOÃO, filho de Zebedeu)
__
(Jo 19,27), embora João tinha uma mãe de sua própria e essa mãe também estava presente ao pé da cruz (Mateus 27 : 56)?
______________________________________________________
6) Por que em Jo 19,27 de fato, vemos Jesus solicitando o discípulo de receber MARIA como sua mãe, como uma ordem.
__
Este ser doação é mostrado como parte do que era “a ser realizado (Jo 19:28).
_______________________________________________________
7) Quando o Espírito inspirou Isabel pronuncia Jesus como o “fruto do ventre de MARIA ” (Lc 1, 41-44)
__
E Gálatas 4: 4 diz que Jesus VIRIA DE UMA MULHER E ESSA MULHER É MARIA,
__
E como Hebreus 2:14 – 18 Sublinha que, através participando da carne e do sangue de MARIA, Jesus tornou-se o filho de Abraão
__
E, por sua vez Davi tornou-se o pai de JESUS
__
Mt 1: 1; Lc 1:32; 20:41; Atos 02:29, 30; Rm 1: 3; Ap 5: 5; Apocalipse 22:16;) “como todas as crianças participam de suas mães, por que é MARIA apenas uma casca de ovo e não a mãe de Deus Jesus mesmo que seja através de maternidade
__
JESUS de MARIA que DAVI e ABRAÃO se torna JESUS ‘pai e ancestral?
__________________________________________________________
POR ISSO É DITO:
O Espírito Santo virá sobre ti, e o poder do Altíssimo vai ofuscar a ti (epikiasei grego); é por isso que aquele que há de nascer será chamado Filho de Deus … “(Lucas 1:35).
__________
COMPARE:
Ex: 40: 34: Então a nuvem cobriu a tenda da congregação, e a glória do Senhor enchia o tabernáculo.
__________________________________________________________
NOTAS:
Este versículo estabelece explicitamente uma ligação entre MARIA como portador da Nova Aliança e da Arca da Antiga Aliança.
___________________________________________________________
Veja que a palavra para “ofuscar” (“episkiasei”) foi usado da nuvem brilhante na Transfiguração de Jesus Cristo (Mt 17: 5; Lc 9:34) e é uma reminiscência do Shekinah da OT, que representava a presença de Deus (Ex 24 : 15-16; 40: 34-8; 1 Ki 8: 4-11).
____________________________________________________________
NOTAS:
A palavra tradução grega Septuaginta para sombreamento é episkiasei, que descreve um brilhante, gloriosa nuvem.
__
Ele é usado com referência para a nuvem da transfiguração de Jesus (Mt 17: 5; Mc 9: 7; Lc 9:34) e também tem uma conexão com a glória Shekinah de Deus no Antigo Testamento (Ex 24: 15-16 ; 40: 34-38; 1 Ki 8:10).
_____________________________________________________________
RESUMINDO:
A palavra “OFUSCAR” é um verbo RARO.
__
Ele é usado para descrever o que o Espírito Santo faz por cima da Arca da Aliança.
___________
E por isso, não é preciso muito bolsa de estudos para ver a conexão que provavelmente é destinado por Lucas como ele conta isso.
____________________________________________________________
MARIA é, portanto, com efeito, o novo templo e Santo dos Santos, onde Deus estava presente em uma forma especial.
___
MARIA tornou-se como o Santo dos Santos no templo, onde Deus habitava.
___
Deus deu instruções muito detalhadas sobre a construção da arca, já que era para conter a Sua Lei (Ex 25-30 e 35-40).
______________________________________________________________
ENFIM:
MARIA tinha que ser muito mais santo, desde que ela era para levar a Palavra de Deus na carne (Jó 14: 4).
__
Além disso paralelismo entre MARIA e a Arca é indicada na comparação Lc 01:43 com 2 Sam 6: 9, Lc 01:44 com 2 Sam 6: 14-16 e Lc 1: 39-45,56 com 2 Sam 06:10 -12. Está prefigurada a encarnação do Filho de Deus no ventre de MARIA.

SE NÃO HAVIA NADA DE ESPECIAL SOBRE MARIA, ENTÃO
_____________________________________________________
1) Por que o Espírito Santo inspirou Isabel (Lc 1, 41),
__
A esposa de um sacerdote judeu a viver uma vida justa diante do Senhor” (Lc 1, 5, 6)
__
Chamar MARIA como “mãe do SENHOR” (Lc 01:43), mesmo que ela é um parente próximo (Lc 1: 6), e que também, mesmo diante do Senhor nasce a MARIA?
______________________________________________________
2) Por que Isabel ver a visita de MARIA como uma ‘grande coisa’? (Lc 1:43).
______________________________________________________
3) Por que o anjo Gabriel, bem como o Espírito inspirou Isabel chamar MARIA como “bendita entre as mulheres”? (Lc 1:28; 01:42).
______________________________________________________
4) Por que MARIA disse que “a partir desse momento em diante, todas as gerações chamarão abençoada ‘? (Lc 1,48).
______________________________________________________
5) Por que Jesus apresenta a sua mãe para “o discípulo amado” (JOÃO, filho de Zebedeu)
__
(Jo 19,27), embora João tinha uma mãe de sua própria e essa mãe também estava presente ao pé da cruz (Mateus 27 : 56)?
______________________________________________________
6) Por que em Jo 19,27 de fato, vemos Jesus solicitando o discípulo de receber MARIA como sua mãe, como uma ordem.
__
Este ser doação é mostrado como parte do que era “a ser realizado (Jo 19:28).
_______________________________________________________
7) Quando o Espírito inspirou Isabel pronuncia Jesus como o “fruto do ventre de MARIA ” (Lc 1, 41-44)
__
E Gálatas 4: 4 diz que Jesus VIRIA DE UMA MULHER E ESSA MULHER É MARIA,
__
E como Hebreus 2:14 – 18 Sublinha que, através participando da carne e do sangue de MARIA, Jesus tornou-se o filho de Abraão
__
E, por sua vez Davi tornou-se o pai de JESUS
__
Mt 1: 1; Lc 1:32; 20:41; Atos 02:29, 30; Rm 1: 3; Ap 5: 5; Apocalipse 22:16;) “como todas as crianças participam de suas mães, por que é MARIA apenas uma casca de ovo e não a mãe de Deus Jesus mesmo que seja através de maternidade
__
JESUS de MARIA que DAVI e ABRAÃO se torna JESUS ‘pai e ancestral?
__________________________________________________________
POR ISSO É DITO:
O Espírito Santo virá sobre ti, e o poder do Altíssimo vai ofuscar a ti (epikiasei grego); é por isso que aquele que há de nascer será chamado Filho de Deus … “(Lucas 1:35).
__________
COMPARE:
Ex: 40: 34: Então a nuvem cobriu a tenda da congregação, e a glória do Senhor enchia o tabernáculo.
__________________________________________________________
NOTAS:
Este versículo estabelece explicitamente uma ligação entre MARIA como portador da Nova Aliança e da Arca da Antiga Aliança.
___________________________________________________________
Veja que a palavra para “ofuscar” (“episkiasei”) foi usado da nuvem brilhante na Transfiguração de Jesus Cristo (Mt 17: 5; Lc 9:34) e é uma reminiscência do Shekinah da OT, que representava a presença de Deus (Ex 24 : 15-16; 40: 34-8; 1 Ki 8: 4-11).
____________________________________________________________
NOTAS:
A palavra tradução grega Septuaginta para sombreamento é episkiasei, que descreve um brilhante, gloriosa nuvem.
__
Ele é usado com referência para a nuvem da transfiguração de Jesus (Mt 17: 5; Mc 9: 7; Lc 9:34) e também tem uma conexão com a glória Shekinah de Deus no Antigo Testamento (Ex 24: 15-16 ; 40: 34-38; 1 Ki 8:10).
_____________________________________________________________
RESUMINDO:
A palavra “OFUSCAR” é um verbo RARO.
__
Ele é usado para descrever o que o Espírito Santo faz por cima da Arca da Aliança.
___________
E por isso, não é preciso muito bolsa de estudos para ver a conexão que provavelmente é destinado por Lucas como ele conta isso.
____________________________________________________________
MARIA é, portanto, com efeito, o novo templo e Santo dos Santos, onde Deus estava presente em uma forma especial.
___
MARIA tornou-se como o Santo dos Santos no templo, onde Deus habitava.
___
Deus deu instruções muito detalhadas sobre a construção da arca, já que era para conter a Sua Lei (Ex 25-30 e 35-40).
______________________________________________________________
ENFIM:
MARIA tinha que ser muito mais santo, desde que ela era para levar a Palavra de Deus na carne (Jó 14: 4).
__
Além disso paralelismo entre MARIA e a Arca é indicada na comparação Lc 01:43 com 2 Sam 6: 9, Lc 01:44 com 2 Sam 6: 14-16 e Lc 1: 39-45,56 com 2 Sam 06:10 -12. Está prefigurada a encarnação do Filho de Deus no ventre de MARIA.
Anúncios
Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Magnificat anima mea Dominum
Doutrina Católica, Visão de Conjunto e Implicações na Sociedade – Prof. Emerson Takase
Nós Somos a Igreja Católica

 

 

Santa Missa – Passo a Passo

 

Cantar a Liturgia – Padre Anderson Marçal

 

Símbolos na Santa Missa – Prof. Carlos Tadelle
Erros Litúrgicos do Pe. Marcelo Rossi – Dom Armando Bucciol
Padre Demétrio: Os abusos litúrgicos e a riqueza da Santa Missa
Abusos na liturgia da Igreja – Padre Alex
A Missa – O certo e o errado – Padre Raphael
Mariologia – Apresentação
Mariologia – Introdução
Historia da Mariologia
Maria no Antigo Testamento
Maria em Gálatas 4,4 5
Maria em Mateus
Maria em Marcos
Maria nas Sagradas Escrituras do Antigo ao Novo Testamento – Pe. Guido
As Bem-aventuranças e Nossa Senhora – Prof. Lucas Parra
Nossa Senhora Corredentora – Prof. André Melo
O Ministério de Pedro e a Igreja Primitiva
O Pentateuco | Estudo Bíblico com Pe. Guido
Os 7 Livros Sapienciais do Antigo Testamento | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Os Livros Proféticos do Antigo Testamento | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Os Evangelhos na História da Igreja
Evangelho de Mateus | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto
Evangelho de Marcos | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto
Evangelho de Lucas | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

 

Evangelho de João | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

Atos dos Apóstolos | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Cartas de São Pedro | Estudos Bíblicos com Pe. Guido
Cartas de São Paulo | Estudos Bíblicos com Pe. Guido 1/3
Cartas de São Paulo | Estudos Bíblicos com Pe. Guido 2/3
Cartas de São Paulo | Estudos Bíblicos com Pe. Guido 3/3
Cartas de São Paulo | Introdução | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | Corpus Paulinum | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | 1 Tessalonicenses | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | 1 Coríntios | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | 1 Coríntios | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

Cartas de São Paulo | Gálatas | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | Cartas Pastorais 1 | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | Cartas Pastorais 2 | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Apocalipse: o Livro Profético do Novo Testamento | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Apocalipse | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

 

 

Sagrada Tradição da Igreja – Professor Felipe Aquino
Sagrado Magistério da Igreja – Professor Felipe Aquino
Breve comentário sobre a História da Igreja | Prof. Felipe Aquino
O Santo Terço Explicado – Professor Carlos Ramalhete

 

Doutrina Social da Igreja (introdução) – Padre Douglas Pinheiro Lima

 

Formação sobre canto e música litúrgica

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 1

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 2

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 3

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 4
Curso de Canto Gregoriano – Parte 5
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 1
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 2
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 3
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 4
Introdução ao estudo dos Dogmas da Igreja Católica – Márcio Carvalho
Grandes Heresias da História da Igreja – Pe. Guido
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Apresentação – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Identidade da Igreja Católica – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A Fé como resposta à Palavra de Deus – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A busca da Compreensão da fé – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A Sagrada Escritura e a Sagrada Tradição – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Sagrada Tradição: Os Padres da Igreja – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Os Santos Padres e as Heresias/ Parte I -Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Os Santos Padres e as Heresias/ Parte II -Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Os 21 Concílios, a Infabilidade Papal e Tradições/ Professor Joel Gracioso
Catecismo de Adultos – Aula 01 – A Revelação Divina – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 02 – O Modernismo, o problema atual na Igreja – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 03 – Deus Uno e Trino – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 04 – A Criação em geral e os anjos – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 05 – Os anjos e o homem – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 06 – A Teoria da Evolução contra a Ciência e a Filosofia – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 07 – Cristo Nosso Senhor e Maria Santíssima – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 08 – Aula 08 – O modo de vida de Jesus Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 09 – As perfeições de Cristo e a Paixão – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 10 – A Cruz, os infernos e a Ressurreição de Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 11 – A Ascensão, os juízos particular e final, e o Espírito Santo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 12 – Como saber qual a verdadeira Igreja de Cristo? – Padre Daniel Pinheiro
Lutero e o Protestantismo: A História da Reforma – Profa. Dra. Laura Palma
Lutero e o Protestantismo: Vida de Lutero – Prof. André Melo
Lutero e o Protestantismo: Sola Scriptura – Profa. Dra. Ivone Fedeli
Lutero e o Protestantismo: Sola Fide – Prof. Marcelo Andrade
Lutero e o Protestantismo: Sola Gratia – Pe. Edivaldo Oliveira
Mídia Católica
Atualizações
Translator
Italy
Calendário
janeiro 2015
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Visitantes
  • 3,284,377 acessos desde 01/05/2011
religião e espiritualidade
religião e espiritualidade
Categorias
Links
%d blogueiros gostam disto: