DESCONSTRUINDO OS APONTAMENTOS DE SOLANO PORTELA E CIRO ZIBORDI CONTRA A VIRGEM MARIA

É público e notório que parte dos pregadores evangélicos usa palavras soltas e fora de contexto para atacar a doutrina católica, quase sempre modificando o real sentido das Escrituras.

Uma das questões que geram mais indignação e raiva por parte dos pastores evangélicos é a veneração católica à Santíssima Virgem Maria.
Desejando mais uma vez atacar a figura da mãe de Jesus Cristo, e imaginando que seriam notados apenas por seus súditos habituais, dois destes pregadores desta época tenebrosa produziram textos contra o catolicismo, senão vejamos:

Solano Portela disse:

“o papa deveria considerar é rejeitar os mediadores. “Não acatar a mediação de Maria, e muito menos a designação dela como co-redentora, lembrando que o ensino da Palavra é o de que ‘há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem’”.
Disponível em 08/10/2015 – http://noticias.gospelprime.com.br/reverendo-cinco-pontos-mudar-igreja-catolica/

Pastor Ciro Zibordi disse:

“A Palavra de Deus diz claramente que só existe um Mediador: Jesus Cristo.”
Disponível em 08/10/2015 – http://pastorciroresponde.blogspot.com.br/2008/08/pedro-foi-o-primeiro-papa-maria-teve.html

Solano Portela e Ciro Zibordi citaram apenas uma pequena parte do texto para não fugirem da regra evangélica que consagra doutrinas permeadas com meias verdades, sofismas, textos fora do contexto e imprecisões.
No texto em questão eles só foram até a parte que diz que Jesus Cristo é o único mediador, “esquecendo-se” de citar o restante do texto, que revela que a MEDIAÇÃO ali descrita não faz menção à intercessão para se pedir um emprego ou saúde, mas se trata da redenção do gênero humano, que só é possível por Cristo Jesus.

O texto completo e fatiado por Solano Portela e Ciro Zibordi:
“Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.” 1 Timóteo 2:5,6

Qual é a parte do texto que Solano Portela e Ciro Zibordi fingiram não conhecer ?
“O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo;“

A pergunta que não quer calar é se a omissão e citação de texto fora do contexto se deu por ignorância ou má-fé.
Se tivesse partido de Marinho Lutero, Pai dos evangélicos, já teríamos a resposta:

Martinho Lutero: “Que mal pode causar se um homem diz uma boa e grossa mentira por uma causa meritória e para o bem da igreja (luterana). (Grisar, Hartmann, S.J., Martin Luther, His life & work, The Newman Press, 1960- pág 522).”

Ora, se não há intercessores, o que faz o pastor orando pelos seus súditos ou pedindo orações para seus pares ?
Por que não vão todos a Jesus Cristo ?

O que ensina a Igreja Católica, sobre a mediação única de Jesus Cristo, que Solano Portela e Ciro Zibordi ainda não sabem ?

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA
432. O nome de Jesus significa que o próprio nome de Deus está presente na pessoa do seu Filho, feito homem para a redenção universal e definitiva dos pecados. Ele é o único nome divino que traz a salvação e pode desde agora ser invocado por todos, pois a todos os homens Se uniu pela Encarnação, de tal modo que «não existe debaixo do céu outro nome, dado aos homens, pelo qual possamos ser salvos» (Act 4, l2)..
480. Jesus Cristo é verdadeiro Deus e verdadeiro homem, na unidade da sua Pessoa divina; por essa razão, Ele é o único mediador entre Deus e os homens.

Ao que tudo indica, considerando suas peculiares “interpretações” bíblicas, os pastores Solano Portela e Ciro Zibordi têm Martinho Lutero como referência.
Será mesmo ?
Pois então diferente do que fazem com a Bíblia, onde escolhem apenas o texto ou a parte que gostam, deveriam uma vez na vida optar pela coerência e abraçar o reformador, não somente nas bravatas empreendidas pelo herege contra o catolicismo, mas também nas situações onde o mesmo fortaleceu as crenças católicas, se não vejamos:

Martinho Lutero, pai do protestantismo:
Lutero: “Peçamos a Deus que nos faça compreender bem as palavras do Magnificat… Oxalá Cristo nos conceda esta graça por intercessão de sua Santa Mãe! Amém.” (Martinho Lutero, “Comentário do Magnificat”)

Entenderam o que Lutero disse sobre a intercessão de Maria Santíssima ?

Mas fiquem tranquilos, senhores Solano Portela e Ciro Zibordi.
Vocês não estão sós.
Outros pregadores também “interpretam” a Bíblia como vocês.

Silas Malafaia: “A bíblia diz que só existe um Deus e um único mediador entre ele e o homem; JESUS CRISTO Jo 14.6 |Tm 2.5 Jo17.3 em qualquer edição da bíblia.”
Disponível em 08/10/2015 –https://twitter.com/pastormalafaia/status/361262370879832064

Ana Paula Valadão: “Pois há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens: o homem Cristo Jesus.”
Disponível em 08/10/2015 – https://pt-br.facebook.com/anapaulavaladaodtoficial/posts/832843840133890

Reverendo Moon: “Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo, homem.”
Disponível em 08/10/2015 –http://sgvindadomessias.blogspot.com.br/2010/12/visao-do-reverendo-moon-sobre-jesus.html

Todos os citados acima “interpretam” o texto do jeitinho de Solano Portela e Ciro Zibordi.
Todos fazem apenas a leitura parcial do texto que, pronunciado fora do contexto, muda seu sentido e passa a ser usado para atacar a doutrina católica.

E deve ser por conta destas “interpretações” peculiares, que sabiamente a palavra de DEUS condena a interpretação privada.
“Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação.” 2 Pedro 1, 20

E deve ser também por isto que Jesus Cristo fundou uma só Igreja, e somente a ela deu poderes para ensinar e guardar o depósito da fé.
“Todavia, se eu tardar, quero que saibas como deves portar-te na casa de Deus, que é a Igreja de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade.”1 Timóteo 3:15

Conclusão:
Permaneçam os discípulos de Jesus na fidelidade à Igreja que ele fundou na Terra.
E permaneçam os demais fazendo as obras de Moon.
Autor: Bel Dantas com a colaboração de A.Silva – Divulgação autorizada com os devidos créditos

Publicado em Uncategorized
Um comentário em “DESCONSTRUINDO OS APONTAMENTOS DE SOLANO PORTELA E CIRO ZIBORDI CONTRA A VIRGEM MARIA
  1. A.Silva disse:

    O AMOR SEM IGUAL DE JESUS E A PERFEIÇÃO DE SUA OBRA, QUE DISPENSA REFORMADORES PROTESTANTES
    ====================================================================

    Jesus explicou que a verdadeira Igreja tem pecadores e escândalos.

    Lucas 17:1-10, “É inevitável que venham escândalos, mas ai do homem pelo qual eles vêm! Melhor fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho, e fosse atirado no mar, do que fazer tropeçar a um destes pequeninos. Acautelai-vos.

    Contudo, apesar das nossas fraquezas, Jesus é infinitamente mais santo do que nós, que somos pecadores.

    Apesar dos “esforços” dos homens para manchar a igreja de Jesus Cristo, a santidade do Senhor brilha de tal forma intensa que mesmo os pecados de todo o mundo não podem vencê-lo.

    Este Senhor Jesus Cristo é indestrutível !!!

    E este mesmo Jesus dispensa a ação do homem para “consertar” sua Igreja.

    Jesus pessoalmente presta contas de sua Igreja.

    Assim, quem creu na promessa de Jesus e quem crê que ele é indestrutível, apesar dos abomináveis pecados dos homens, não precisou de Lutero ou Calvino.

    Não foi este mesmo Jesus que garantiu que as Portas do inferno não prevaleceriam sobre sua Igreja ?

    Mateus 16:18: “Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.

    É este DEUS invencível e que se basta a si mesmo é que desejamos servir.

    Conclusão:

    Jesus ama com amor sem medida.

    Como assim ?

    .Jesus morreu na cruz para a redenção da humanidade.
    .Jesus venceu a morte garantindo que todo que aquele que nele crê ainda que morra, viverá para sempre.
    .Jesus deixou-nos a Igreja: “Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja..(Mateus 16:18)”
    .Jesus instituiu o magistério da Igreja para nos guiar neste mundo: “Todavia, se eu tardar, … que é a Igreja de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade” (1Tim 3,15).”
    .Jesus não nos deixou a mercê de nossos caprichos e falhas e assim não temos a obrigação de interpretar as sagradas escrituras: “NENHUMA PROFECIA É DE INTERPRETAÇÃO PARTICULAR” (II Pe. I, 20).“
    .Jesus, através de sua Igreja Jesus estabeleceu quem deveria ensinar: “Quem vos ouve é a mim que ouve, e quem vos rejeita é a mim que rejeita; mas, quem me rejeita, rejeita aquele que me enviou(S. Lucas 10,13-16).”
    .Jesus pensou até mesmo na liderança que todos deveriam seguir e assim disse exclusivamente a Pedro:
    “Apascenta as minhas ovelhas(Jo 21,1-19)”
    “Eu te darei as chaves do reino dos céus: tudo que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus”. (Mt 16,18-20)
    “Tu, uma vez confirmado, confirma teus irmãos na fé” (Lc 22,32).
    .Jesus garante vitória a sua Igreja: Mateus 16:18: “…e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.”
    .Jesus admite ser possível que sua igreja produza pecadores e escândalos: Lucas 17:1-10, “É inevitável que venham escândalos.”
    .Jesus em pessoa presta contas de sua Igreja no tocante aos escândalos: Ainda Lucas 17:1-10: “…mas ai do homem pelo qual eles vêm! Melhor fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho, e fosse atirado no mar, do que fazer tropeçar a um destes pequeninos. Acautelai-vos.”
    Obrigado Jesus por nos ter dado a Igreja.

    Se não tivéssemos o magistério da Igreja, como poderíamos ser julgados com justiça ?

    Se não aprendemos antes, como poderíamos ser cobrados ?

    Graças a ti podemos seguir esta Igreja guiada pelo Espírito Santo de modo que não erra quando ensina, muito embora seus filhos sejam pecadores.

    Temos a confiança na tua palavra que nos assegura que vós pessoalmente cuida da tua Igreja de maneira que não precisamos “consertá-la” com as nossas imperfeições, que na verdade causariam mais estragos do que restaurações.

    Observamos o protestantismo e suas incontáveis divisões e doutrinas divergentes entre si, para confirmar que ninguém consegue consertar nada.

    Jesus, tu és o Senhor que se basta !!!

    E a multidão de nossos pecados e toda a luxúria da humanidade em todos os tempos não são capazes de manchar esta Igreja cujo autor és tu, o santo dos santos.

    Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo !

    Para sempre seja louvado !

    Autor: A.Silva com a colaboração de Val Melkis – Livre divulgação, mencionando-se os autores

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Magnificat anima mea Dominum
Inquisição on Line
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 1
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 2
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 3
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 4
Catecismo de Adultos – Aula 01 – A Revelação Divina – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 02 – O Modernismo, o problema atual na Igreja – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 03 – Deus Uno e Trino – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 04 – A Criação em geral e os anjos – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 05 – Os anjos e o homem – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 06 – A Teoria da Evolução contra a Ciência e a Filosofia – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 07 – Cristo Nosso Senhor e Maria Santíssima – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 08 – Aula 08 – O modo de vida de Jesus Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 09 – As perfeições de Cristo e a Paixão – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 10 – A Cruz, os infernos e a Ressurreição de Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 11 – A Ascensão, os juízos particular e final, e o Espírito Santo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 12 – Como saber qual a verdadeira Igreja de Cristo? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 13 – A Igreja Católica e a Salvação – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 14 – A Infalibilidade da Igreja e a união da Igreja e do Estado – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 15 – Da comunhão dos santos à vida eterna – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 16 – Os princípios da oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 17 – Como rezar bem? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 18 – Os tipos de oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 19 – O Pai Nosso – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 20 – A Ave Maria e o Santo Terço – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 21 – A Meditação Católica – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 22 – Introdução à moral católica: uma moral das virtudes – Padre Daniel Pinheiro
Lutero e o Protestantismo: A História da Reforma – Profa. Dra. Laura Palma
Lutero e o Protestantismo: Vida de Lutero – Prof. André Melo
Lutero e o Protestantismo: Sola Scriptura – Profa. Dra. Ivone Fedeli
Lutero e o Protestantismo: Sola Fide – Prof. Marcelo Andrade
Lutero e o Protestantismo: Sola Gratia – Pe. Edivaldo Oliveira
Mídia Católica
Atualizações
Translator
Italy
Calendário
março 2016
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
Visitantes
  • 5.032.563 acessos desde 01/05/2011
religião e espiritualidade
religião e espiritualidade
Categorias
Links
%d blogueiros gostam disto: