A Igreja Católica mudou os mandamentos?

A Igreja Católica e os 10 Mandamentos

Pergunta Protestante Com que autoridade os mandamentos de Deus foram mudados?

Resposta Católica por Marcelo Matos

Primeiramente quero deixar claro aqui que a Igreja Católica não mudou os mandamentos do Decálogo exatamente por isso em êxodo 20 e deuteronômio 5 os mandamentos da Bíblia católica são iguais aos dos protestantes. Vejamos o que diz o catecismo da Igreja católica sobre os 10 mandamentos Catecismo 2072 Os 10 mandamentos exprimem os deveres fundamentais do homem para com Deus e para com o próximo….são basicamente imutáveis… Os Dez Mandamentos foram gravados por Deus no coração do ser humano.  O protestante que fez a pergunta usa Mateus 5,17-18 para afirmar que Jesus não veio para abolir a lei e os profetas, fazendo ele ligação desta palavra com as leis do antigo testamento, mas será isso que a Bíblia ensina? Vejamos

Em Mateus 7,12 Jesus diz que a lei e os profetas é fazer tudo o que quereis que os homens vos façam,

Mas segundo a Bíblia em que se resume a Lei e os Profetas? vejamos Mateus 22,37-40 “Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Nestes dois mandamentos se resumem toda a lei e os profetas.

Resumindo: A lei e os profetas é fazer aos outros tudo o que quereis que os outros vos façam (Mateus 7,12) e isto se resume em Amar a Deus sobre todas as coisas e amar o próximo como a ti mesmo (Mateus 22,37-40)

Agora falando sobre o Decálogo que são os 10 mandamentos de Deus escrito nas tabuas da lei de Moisés.

A passagem dos mandamentos no Êxodo contém mais que dez afirmações, totalizando 14 ou 15 no total. Enquanto a própria Bíblia ensina a contagem de “10” Várias religiões dividem os mandamentos de modo diferente, vale lembrar agora que o que conhecemos por capítulos e versículos não existia antes de 1220dc que foi quando um arcebispo da Igreja católica teve a ideia de dividir a bíblia em capítulos, mas tarde em 1528dc é que foi atribuído versículos na Bíblia. Assim sendo não podemos afirmar que um versículo é um mandamento ou outro porque isso não existia antes de 1528dc

Nós católicos dividimos os mandamentos do decálogo da seguinte forma:

Êxodo 20,3-6 Como o Primeiro mandamento (Não terás outro Deus alem de mim e não farás Imagem esculpida deles…)

Êxodo 20,7-8 Como o Segundo mandamento (Não pronunciar o nome de Deus em vão)

Êxodo 20,8-11 Como o Terceiro mandamento (Guardar o Sábado)

Êxodo 20,12 Como o Quarto mandamento (Honrar pai e mãe)

Êxodo 20,13 Como o Quinto mandamento (Não matarás)

Êxodo 20,14 Como o Sexto mandamento (Não adulterarás)

Êxodo 20,15 Como o Sétimo mandamento (Não furtarás)

Êxodo 20,16 Como o Oitavo mandamento (Não levantarás falso testemunho = Não mentir)

Êxodo 20,17 Como o Nono mandamento (Não cobiçarás a casa do teu próximo)

Êxodo 20,17 Como o Décimo mandamento (não cobiçarás a mulher do teu próximo)

Sobre o primeiro mandamento as imagens esculpidas ali proibidas somente se refere a falsos deuses (Ídolos), pois na Passagem de Êxodo 25,18 Deus manda fazer duas imagens esculpidas em cima da arca da Aliança. Deus também manda fazer uma imagem esculpida em Números 21,8 também no templo de Salomão havia imagens esculpidas de leões e bois etc… 1 Reis 7,29

A fórmula catequética é que se amares a Deus sobre todas as coisas jamais terás outro deus alem dele e também jamais fará uma imagem de esculturas destes deuses e muito menos lhes prestaras culto.

Jesus Cristo em Marcos 12,30 afirmou esta mudança “Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento”.

 Sobre o Terceiro mandamento, Não guardamos o Sábado porque Jesus não guardava o sábado, em Colossenses 2,16-17

A bíblia diz “Não permitam que ninguém os julgue pelo que vocês comem ou bebem, ou com relação a alguma festividade religiosa ou à celebração das luas novas ou dos dias de SÁBADO. Estas coisas são sombras do que haveria de vir; a realidade, porém, encontra-se em Cristo. ” Em João 5,16 ” por esta causa os judeus perseguiram a Jesus, e procuravam matá-lo, porque fazia estas coisas no sábado. “

Também porque o vocábulo sábado, na Bíblia, vem da palavra shabbath e significa repouso, descanso, etc. Na nossa língua, o sétimo dia da semana chama-se sábado, mas isto não ocorre em todas as línguas. Em alemão, por exemplo, o sétimo dia da semana chama-se sonnabend (véspera do sol) ou samstag (dia de Saturno). Em francês chama-se samedi (dia de Saturno). Em inglês, saturday (dia de Saturno). Logo, o sétimo dia e sábado não são a mesma coisa. O que a Lei ordena é a guarda de um dia de descanso por semana. E isto nós guardamos. Quando guardamos o domingo, estamos cumprindo o 3 Mandamento. O calendário dos judeus lhes foi dado na saída do Egito (Ex 12.2). Os crentes em Cristo não estão obrigados a guardar o mesmo dia da semana, que os judeus guardavam e muitos ainda guardam. Guardando o domingo, não estamos quebrando o 3º Mandamento.

Por que guardamos o domingo e não o sábado?

Guardamos o domingo porque Jesus ressuscitou no domingo fazendo-nos novas criaturas (2 Coríntios 5,17)

Também porque o espírito santo desceu sobre os apóstolos em um domingo (At 2.1-4)

Guardamos o domingo por amor a Jesus Cristo que ressuscitou neste dia.

Então a formula catequética do terceiro mandamento ficou como sendo para guardar o Domingo por amor a Jesus Cristo, a igreja jamais quis com isso alterar o Decálogo, a igreja Católica nunca disse Não guardem o sábado, apenas não guardamos porque a realidade agora é Cristo. Colossenses 2,17

Anúncios
Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Magnificat anima mea Dominum
Doutrina Católica, Visão de Conjunto e Implicações na Sociedade – Prof. Emerson Takase
Nós Somos a Igreja Católica

 

 

Santa Missa – Passo a Passo

 

Cantar a Liturgia – Padre Anderson Marçal

 

Símbolos na Santa Missa – Prof. Carlos Tadelle
Erros Litúrgicos do Pe. Marcelo Rossi – Dom Armando Bucciol
Padre Demétrio: Os abusos litúrgicos e a riqueza da Santa Missa
Abusos na liturgia da Igreja – Padre Alex
A Missa – O certo e o errado – Padre Raphael
Mariologia – Apresentação
Mariologia – Introdução
Historia da Mariologia
Maria no Antigo Testamento
Maria em Gálatas 4,4 5
Maria em Mateus
Maria em Marcos
Maria nas Sagradas Escrituras do Antigo ao Novo Testamento – Pe. Guido
As Bem-aventuranças e Nossa Senhora – Prof. Lucas Parra
Nossa Senhora Corredentora – Prof. André Melo
O Ministério de Pedro e a Igreja Primitiva
O Pentateuco | Estudo Bíblico com Pe. Guido
Os 7 Livros Sapienciais do Antigo Testamento | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Os Livros Proféticos do Antigo Testamento | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Os Evangelhos na História da Igreja
Evangelho de Mateus | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto
Evangelho de Marcos | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto
Evangelho de Lucas | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

 

Evangelho de João | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

Atos dos Apóstolos | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Cartas de São Pedro | Estudos Bíblicos com Pe. Guido
Cartas de São Paulo | Estudos Bíblicos com Pe. Guido 1/3
Cartas de São Paulo | Estudos Bíblicos com Pe. Guido 2/3
Cartas de São Paulo | Estudos Bíblicos com Pe. Guido 3/3
Cartas de São Paulo | Introdução | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | Corpus Paulinum | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | 1 Tessalonicenses | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | 1 Coríntios | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | 1 Coríntios | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

Cartas de São Paulo | Gálatas | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | Cartas Pastorais 1 | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Cartas de São Paulo | Cartas Pastorais 2 | Estudo Bíblico com Frei Diones Rafael Paganotto
Apocalipse: o Livro Profético do Novo Testamento | Estudo Bíblico Católico com Pe. Guido
Apocalipse | Estudo Bíblico Católico com Frei Diones Rafael Paganotto

 

 

 

Sagrada Tradição da Igreja – Professor Felipe Aquino
Sagrado Magistério da Igreja – Professor Felipe Aquino
Breve comentário sobre a História da Igreja | Prof. Felipe Aquino
O Santo Terço Explicado – Professor Carlos Ramalhete

 

Doutrina Social da Igreja (introdução) – Padre Douglas Pinheiro Lima

 

Formação sobre canto e música litúrgica

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 1

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 2

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 3

 

Curso de Canto Gregoriano – Parte 4
Curso de Canto Gregoriano – Parte 5
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 1
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 2
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 3
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 4
Introdução ao estudo dos Dogmas da Igreja Católica – Márcio Carvalho
Grandes Heresias da História da Igreja – Pe. Guido
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Apresentação – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Identidade da Igreja Católica – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A Fé como resposta à Palavra de Deus – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A busca da Compreensão da fé – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A Sagrada Escritura e a Sagrada Tradição – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Sagrada Tradição: Os Padres da Igreja – Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Os Santos Padres e as Heresias/ Parte I -Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Os Santos Padres e as Heresias/ Parte II -Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Os 21 Concílios, a Infabilidade Papal e Tradições/ Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ Sensus Fidei, Magistério e a função do teólogo / Professor Joel Gracioso
Curso de Iniciação a Teologia Católica/ A Teologia e sua relação com a Filosofia/ Professor Joel Gracioso
Catecismo de Adultos – Aula 01 – A Revelação Divina – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 02 – O Modernismo, o problema atual na Igreja – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 03 – Deus Uno e Trino – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 04 – A Criação em geral e os anjos – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 05 – Os anjos e o homem – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 06 – A Teoria da Evolução contra a Ciência e a Filosofia – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 07 – Cristo Nosso Senhor e Maria Santíssima – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 08 – Aula 08 – O modo de vida de Jesus Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 09 – As perfeições de Cristo e a Paixão – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 10 – A Cruz, os infernos e a Ressurreição de Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 11 – A Ascensão, os juízos particular e final, e o Espírito Santo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 12 – Como saber qual a verdadeira Igreja de Cristo? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 13 – A Igreja Católica e a Salvação – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 14 – A Infalibilidade da Igreja e a união da Igreja e do Estado – Padre Daniel Pinheiro
Lutero e o Protestantismo: A História da Reforma – Profa. Dra. Laura Palma
Lutero e o Protestantismo: Vida de Lutero – Prof. André Melo
Lutero e o Protestantismo: Sola Scriptura – Profa. Dra. Ivone Fedeli
Lutero e o Protestantismo: Sola Fide – Prof. Marcelo Andrade
Lutero e o Protestantismo: Sola Gratia – Pe. Edivaldo Oliveira
Mídia Católica
Atualizações
Translator
Italy
Calendário
agosto 2016
D S T Q Q S S
« jul   set »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Visitantes
  • 3,355,041 acessos desde 01/05/2011
religião e espiritualidade
religião e espiritualidade
Categorias
Links
%d blogueiros gostam disto: