Quando usar o Pluvial ?

BENTO XVI , presidindo Vésperas solenes no Vaticano (antes de renunciar ao papado)
O uso do Pluvial (pluviale, em latim, piviale, em italiano) seu uso é bem fácil de entender. Sendo bem direto ao assunto, no rito romano de Paulo VI, só se usa fora da Missa. Diferente do rito romano antigo (tridentino), onde pode ser usado para auxiliar o presidente da celebração e na aspersão no ato penitencial.
O pluvial, ou capa de asperges, é usado pelo sacerdote nas ações sagradas solenes fora da Missa(…)
 (Cerimonial dos Bispos,66)
Salva uma exceção no rito novo, onde o bispo estando presente sem presidir a Missa, pode ficar de pluvial e se preferir com dois sacerdotes também de pluvial um de cada lado, se não tiver pelo menos um diácono presente.
(…)no vestiário ou noutro ligar apropriado. Ali,reveste sobre a alva: a cruz peitoral, a estola e o pluvial de cor conveniente, e, normalmente, a mitra e o báculo. Assistem-no dois diáconos, ou pelo menos um, com as vestes litúrgicas da sua ordem. Na falta de diáconos, assistem o Bispo presbíteros revestidos de pluvial.
Na procissão para o altar, o Bispo vai atrás do celebrante ou concelebrantes, acompanhado dos seus diáconos e ministros. (Cerimonial dos Bispos, 176-177 )
 
E de pluvial o bispo recita a oração pós comunhão e dar a benção final .(cf. Cerimonial dos Bispos, 184).
 
“(…) no final da Missa , dê a bênção” (IGMR, 92b)
 
 
Missa de corpo presente para bispo falecido, ritual de exéquias solene
A pluvial é usada em ritos fúnebres na hora de se benzer o caixão.
Para a celebração das exéquias, deverá preparar-se:
a) Na sacristia ou em local mais apto os paramentos sagrados de cor exequial:
– para o Bispo: alva, estola, cruz peitoral, pluvial para a procissão e celebração da Palavra de Deus,
casula para a Missa, mitra simples, báculo pastoral;
(Cerimonial dos Bispos, 822)
BENTO XVI incensando o Santíssimo Sacramento , paramentado de pluvial.

O padre ou o bispo pode presidir a LITURGIA DAS HORAS (Laudes, Vésperas ou Completas) paramentado de pluvial. Como por exemplo na foto acima de Bento XVI (ainda reinante).
No rito do Domingos de Ramos, é permitido que se use a pluvial e com ela faça a aspersão da água benta:
Porém na Missa (rito ordinário)  não é permitido , e deve ser feito de casula:
                                  
“A capa ou pluvial é usada pelo sacerdote nas procissões e outras ações sagradas, conforme as rubricas de cada rito.”(IGMR ,341)
Já no rito romano tridentino é permitido que o padre no ato penitencial use a pluvial e assim paramentado, faça a aspersão de água benta nos fieis:
Asperges no Rito Tridentino
ERRO: muitos padres fazem a mesma sequência do uso da pluvial feito no rito tridentino, no rito novo (de Paulo VI) retirando a pluvial só na hora do “Glória” e vestindo só então a casula. Como também incensa o altar e a cruz paramentado de pluvial, o que dentro da liturgia da Missa não é permitido, só na Missa Tridentina.
Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Magnificat anima mea Dominum
Inquisição on Line
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 1
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 2
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 3
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 4
Catecismo de Adultos – Aula 01 – A Revelação Divina – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 02 – O Modernismo, o problema atual na Igreja – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 03 – Deus Uno e Trino – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 04 – A Criação em geral e os anjos – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 05 – Os anjos e o homem – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 06 – A Teoria da Evolução contra a Ciência e a Filosofia – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 07 – Cristo Nosso Senhor e Maria Santíssima – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 08 – Aula 08 – O modo de vida de Jesus Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 09 – As perfeições de Cristo e a Paixão – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 10 – A Cruz, os infernos e a Ressurreição de Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 11 – A Ascensão, os juízos particular e final, e o Espírito Santo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 12 – Como saber qual a verdadeira Igreja de Cristo? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 13 – A Igreja Católica e a Salvação – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 14 – A Infalibilidade da Igreja e a união da Igreja e do Estado – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 15 – Da comunhão dos santos à vida eterna – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 16 – Os princípios da oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 17 – Como rezar bem? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 18 – Os tipos de oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 19 – O Pai Nosso – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 20 – A Ave Maria e o Santo Terço – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 21 – A Meditação Católica – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 22 – Introdução à moral católica: uma moral das virtudes – Padre Daniel Pinheiro
Lutero e o Protestantismo: A História da Reforma – Profa. Dra. Laura Palma
Lutero e o Protestantismo: Vida de Lutero – Prof. André Melo
Lutero e o Protestantismo: Sola Scriptura – Profa. Dra. Ivone Fedeli
Lutero e o Protestantismo: Sola Fide – Prof. Marcelo Andrade
Lutero e o Protestantismo: Sola Gratia – Pe. Edivaldo Oliveira
Mídia Católica
Atualizações
Translator
Italy
Calendário
setembro 2016
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Visitantes
  • 4.537.633 acessos desde 01/05/2011
religião e espiritualidade
religião e espiritualidade
Categorias
Links
%d blogueiros gostam disto: