Inclinação profunda durante a Profissão de Fé

Vamos discutir sobre uma rubrica do Missal Romano que não é muito praticada em alguns lugares, a maioria das pessoas não devem saber e algumas dioceses não encorajam os fiéis a fazer. Estou falando da inclinação profunda durante a Profissão de Fé.

Primeiro, vamos entender o significado da inclinação:

  • Inclinação de cabeça: deve ser feita, entre alguns outros momentos, quando é dito o nome da Virgem Maria nas Orações Eucarísticas.
  • Inclinação de corpo ou Inclinação profunda: deve ser feita para o altar, durante o Credo às palavras “E se encarnou…”.

Pela inclinação se manifesta a reverência e a honra que se atribuem às próprias pessoas ou aos seus símbolos. (IGMR 275)


Então vamos ao significado da Profissão de Fé (ou Credo ou Símbolo):

O Símbolo ou Profissão de Fé tem por objetivo levar todo o povo reunido a responder à palavra de Deus anunciada da Sagrada Escritura e explicada pela homilia, bem como, proclamando a regra da Fé através de fórmula aprovada para o uso litúrgico, recordar e professar os grandes mistérios da Fé, antes de iniciar sua celebração na Eucaristia.
IGMR 67Segundo a IGMR o Credo :
Deve ser usado em todos os domingos, solenidades e celebrações de caráter mais especial;
Pode ser cantado (pelo sacerdote junto com o povo, em uma só voz ou em dois coros alternados) ou apenas recitado.

Então, qual o momento em que devemos fazer a reverência?

No Símbolo Niceno-Constantinopolitano:
“E por nós homens e para nossa salvação, desceu dos céus: E SE ENCARNOU PELO ESPÍRITO SANTO, NO SEIO DA VIRGEM MARIA, E SE FEZ HOMEM”.

No Símbolo dos Apóstolos:
“E em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, QUE FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, NASCEU DA VIRGEM MARIA”.

É durante as partes sublinhadas que devemos fazer a inclinação.

Deus quis assemelhar-se a nós inclusive em sua natureza (que é divina) e mandou seu Filho para se encarnar pelo Espírito Santo entre os homens, no seio da Virgem Maria. Diante de tão grande mistério realizado para dar-se início à nossa salvação, devemos uma reverência durante a Missa.

Solenidades da Anunciação do Senhor e Natal do Senhor

Nas Solenidades da Anunciação do Senhor (25 de março) e do Natal do Senhor (nas missas da Vigília, da Noite, da aurora e do Dia), recita-se o Símbolo Niceno-Constantinopolitano e, no mesmo momento citado acima, às palavras “E SE ENCARNOU” todos ajoelham-se e ficam por um instante em silêncio, reverente ao mistério da Encarnação. Em seguida, ainda de joelhos, prosseguem até as palavras “E SE FEZ HOMEM”, então se levantam e prosseguem.

Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Magnificat anima mea Dominum
Inquisição on Line
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 1
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 2
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 3
Curso de liturgia da Santa Missa // Padre Paulo Ricardo // Parte 4
Catecismo de Adultos – Aula 01 – A Revelação Divina – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 02 – O Modernismo, o problema atual na Igreja – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 03 – Deus Uno e Trino – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 04 – A Criação em geral e os anjos – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 05 – Os anjos e o homem – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 06 – A Teoria da Evolução contra a Ciência e a Filosofia – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 07 – Cristo Nosso Senhor e Maria Santíssima – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 08 – Aula 08 – O modo de vida de Jesus Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 09 – As perfeições de Cristo e a Paixão – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 10 – A Cruz, os infernos e a Ressurreição de Cristo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 11 – A Ascensão, os juízos particular e final, e o Espírito Santo – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 12 – Como saber qual a verdadeira Igreja de Cristo? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 13 – A Igreja Católica e a Salvação – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 14 – A Infalibilidade da Igreja e a união da Igreja e do Estado – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 15 – Da comunhão dos santos à vida eterna – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 16 – Os princípios da oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 17 – Como rezar bem? – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 18 – Os tipos de oração – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 19 – O Pai Nosso – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 20 – A Ave Maria e o Santo Terço – Padre Daniel Pinheiro

 

Catecismo de Adultos – Aula 21 – A Meditação Católica – Padre Daniel Pinheiro
Catecismo de Adultos – Aula 22 – Introdução à moral católica: uma moral das virtudes – Padre Daniel Pinheiro
Lutero e o Protestantismo: A História da Reforma – Profa. Dra. Laura Palma
Lutero e o Protestantismo: Vida de Lutero – Prof. André Melo
Lutero e o Protestantismo: Sola Scriptura – Profa. Dra. Ivone Fedeli
Lutero e o Protestantismo: Sola Fide – Prof. Marcelo Andrade
Lutero e o Protestantismo: Sola Gratia – Pe. Edivaldo Oliveira
Mídia Católica
Atualizações
Translator
Italy
Calendário
setembro 2017
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
Visitantes
  • 5.032.563 acessos desde 01/05/2011
religião e espiritualidade
religião e espiritualidade
Categorias
Links
%d blogueiros gostam disto: